Idioma

Associação Nacional dos Centros de Pós-Graduação em Economia

Exame

O EXAME 2017

As inscrições para o Exame Nacional de Seleção 2017 serão realizadas de 01/06 a 28/07/2016. As provas do Exame 2017 serão realizadas em 28 e 29/09/2016.

manual do candidato  foi divulgado em 02/05/2016.

As provas de anos anteriores podem ser consultadas pelo links ao lado.

Acesse o portal do candidato.

03.06.2016.

 

Endereços dos locais de provas

Confira os endereços onde serão aplicadas as provas do Exame Nacional de Seleção 2017.

21.08.2016.

 

O EXAME NACIONAL DE SELEÇÃO

A ANPEC realiza anualmente o Exame Nacional de Seleção de candidatos aos cursos de mestrado em economia oferecidos por seus centros membros ou associados. São objetivos do Exame avaliar a qualificação acadêmica dos candidatos e fornecer aos centros os resultados da avaliação.

O exame não é um vestibular: não aprova, nem reprova. Apenas classifica os candidatos. Também, não há uma única classificação, já que cada centro usa seu próprio sistema de pesos para calcular a nota média. Além disso, a prova de economia brasileira é tratada de forma diferente por cada um deles. 

Importante: a ANPEC não garante vagas, nem seleciona candidatos, apenas oferece aos centros a classificação dos candidatos que prestam o exame. A seleção é de exclusiva responsabilidade dos centros, que se baseiam, entre outros critérios, na classificação alcançada por cada candidato.

Informações sobre as características de cada curso de mestrado e sobre os critérios de seleção deverão ser obtidas diretamente junto aos centros de pós-graduação que participam do exame. O desempenho no Exame ANPEC também é utilizado no processo seletivo de alguns cursos de doutorado.

Outras informações estão disponíveis no portal do candidato ou podem ser obtidas no seguinte endereço:

Lízia de Figueirêdo
Coordenação do Exame ANPEC
Av. Antônio Carlos, 6627
IPEAD-FACE-UFMG, sala 3039
Belo Horizonte, MG
31270-901

e-mail: exame@anpec.org.br
tel.: 31 3409 7085 (de 14h às 17h).

ANPEC 14.04.2015

PERGUNTAS FREQUENTES

1. Quem pode fazer o exame? 

Podem fazer o exame os portadores de diplomas de graduação de qualquer área do conhecimento e estudantes universitários. O certificado de conclusão do curso somente é importante para a matrícula definitiva no curso. Candidatos estrangeiros também podem fazer o Exame Anpec. Devem fazer sua inscrição seguindo as instruções do Manual do Candidato, no qual constam as opções de pagamento. As provas são aplicadas somente no Brasil.

2. Somente candidatos a mestrado fazem a prova? 

Não, alguns centros usam a informação do Exame Anpec para seleção no doutorado. Muitos candidatos participam somente para treinar. 

3. Um bom resultado no exame é condição necessária para ingressar no mestrado? 

Depende: os centros usam o resultado do Exame de forma diferenciada. Alguns centros selecionam o candidato tendo por base somente o resultado do Exame. Outros usam o resultado como uma informação adicional. Para saber mais detalhes sobre a seleção nos centros, visite suas páginas na internet (confira os endereços aqui). 

4. A inscrição no Exame Anpec vale como inscrição para o centro? 

A inscrição para o Exame é parte do processo de inscrição para os centros. 

5. Como é feita a escolha dos centros na inscrição?

Na inscrição, o candidato irá escolher até seis centros sem indicação de ordem de preferência. Esta sinalização inicial de preferências é relevante, pois muitos centros iniciam sua seleção pelos candidatos que os preferiram no ato da inscrição. No entanto, os centros podem selecionar qualquer candidato que realizar o Exame Anpec.

6. Posso mudar os centros escolhidos após a inscrição?

Não.

7. Quais são as provas do Exame?

Matemática, Estatística, Economia Brasileira, Macroeconomia, Microeconomia e Inglês. Alguns centros solicitam ainda prova dissertativa de Economia Brasileira.

8. Como são as provas do Exame? 

As provas possuem 15 questões que podem ser do tipo A ou do tipo B. 

Questões do tipo A são compostas por cinco itens os quais podem ser verdadeiros ou falsos (não há necessariamente uma única resposta falsa ou verdadeira). O candidato deve assinalar na Folha de Respostas se considera cada item Falso, Verdadeiro ou, em caso de dúvida, pode deixar a resposta “em branco” (sem resposta - Ver Punição à Adivinhação).

Questões do tipo B são questões com resposta única, numérica, no intervalo 00 a 99.

A Prova de Economia Brasileira discursiva consiste na resposta para uma questão das cinco opções disponíveis.

9. Como ocorre a punição à adivinhação no exame?

Suponha que o gabarito correto de uma questão seja (VVVFF) e que o candidato tenha assinalado (VFFFF) em cada item. Sua nota na questão será assim computada: (+1-1-1+1+1)/5, ou seja, o candidato ao errar um item elimina os pontos obtidos num item que havia acertado. Quando a resposta está “em branco” (não respondida), não há perda de ponto.

10. Como é feita a classificação dos candidatos no Exame Anpec?

A classificação oficial  do Exame Anpec é feita pela comparação das notas de todos os candidatos que prestaram o exame no ano. No cálculo da nota são incluídos os  resultados das provas de macroeconomia, microeconomia, matemática, estatística e economia brasileira objetiva, com peso idêntico para todas.

11. Há uma única classificação para todos os centros? 

Não há uma única classificação. Há uma classificação nacional e uma classificação por centro. Cada centro usa seu próprio sistema de pesos para calcular a nota média. Além disso, a prova de Economia Brasileira é tratada de forma diferente pelos centros. A parte discursiva desta prova é corrigida de forma independente por cada um dos centros de opção do candidato. Na classificação nacional, somente a nota da parte objetiva de Economia Brasileira é levada em conta e, no cômputo da média, todas as provas têm peso idêntico. Além da classificação oficial do Exame Anpec, os centros recebem a classificação somente dos candidatos que os escolheram na inscrição. A divulgação desta planilha pelos centros não é obrigatória. A classificação no Exame é apenas um dos critérios de seleção utilizados. Além da classificação no Exame, os centros se valem do histórico escolar, da análise de currículo e de carta de referência. Alguns requerem entrevistas. Informações sobre esses outros critérios devem ser colhidas junto aos centros.  Cada centro seleciona seus candidatos. A Coordenação do Exame Anpec não tem nenhum poder decisório nesta seleção dos candidatos. Informe-se junto aos centros de sua preferência.

12. Terei acesso às informações dos demais candidatos? 

Não, cada candidato recebe somente as informações referentes ao seu desempenho, seguindo os critérios da classificação oficial do Exame Anpec.

13. Como é feito o convite ao candidato?

Após a divulgação do resultado, os centros entram em contato com os candidatos que selecionaram.  O convite formal ocorre quando o centro entrega uma senha para o candidato. O candidato deve, no período das “rodadas de aceite” – sistema on-line de respostas dos candidatos, dar aceite condicional ou definitivo. Se não der nenhuma resposta, a senha expira ao final de cada rodada.

Os centros continuam a chamar candidatos até sinalizarem para a coordenação que preencheram suas vagas.

O aceite condicional significa dizer que o candidato  aceitaria ir para o centro que o convidou (e que lhe entregou a senha), mas que teria preferência por um outro centro. O candidato deve indicar qual seria este (único) centro no momento do aceite condicional.

O aceite definitivo implica a concordância com o ingresso no programa do centro, sendo irrevogável.

14. Os aceites garantem a vaga? E a bolsa?

O aceite condicional não é garantia de vaga. O aceite definitivo garante a vaga, mas não a bolsa.

O centro deverá informar ao candidato se o está convidando com ou sem bolsa. A Coordenação do exame Anpec também não decide sobre a alocação de bolsas. A decisão sobre seleção e sobre bolsas é dos centros de pós-graduação.

ANPEC13.04.2012

03.06.2016.

Provas

Estão disponíveis para consulta as provas dos Exames Nacionais de 1990 a 2015 (exames realizados de 1989 a 2014). Os arquivos podem ser obtidos através dos links abaixo. Eles estão compactados em formato ".zip".

  2016  2015 2014
2013 2012 2011 2010
2009 2008 2007 2006
2005 2004 2003 2002
2001 2000 1999 1998
1997 1996 1995 1994
1993 1992 1991 1990

 

Siga a ANPEC no Twitter